You are here
Home > Grécia > O verdadeiro iogurte grego original: Puro “food porn”

O verdadeiro iogurte grego original: Puro “food porn”

O Brasil finalmente descobriu iogurte de verdade. (Esse era uma dos poucos alimentos que eu lamentava não encontrar de boa qualidade no Brasil, só aquela coisa rala e com sabor artificial.) Agora tudo mudou, o Brasil descobriu o “iogurte grego” e ele agora toma todas as geladeiras do país. Os outros logo sairão de circulação, pode apostar.

Iogurte grego, na verdade, há muitos anos é “sensação” Ocidente afora. Ele nada mais é do que iogurte coado, tirado o soro do leite. Fica então a parte grossa, dando aquela consistência firme. Esse é um método tradicional de fazer iogurte muito comum pelo Oriente Médio e nos países que compunham o Império Otomano (hoje Turquia, Grécia, e muitos dos países árabes). A alcunha de “grego” acabou sendo meramente a escolha dos marqueteiros. No Brasil, isso já era conhecido pelo nome árabe de labneh ou pelo apelido inglamuroso de “coalhada seca” (não ia dar certo, convenhamos).

Este post tem o mero propósito provocativo de compartilhar com vocês algumas fotos do iogurte grego original, servido na Grécia e nos países vizinhos, principalmente a Turquia. Eu sinto dizer que, ao menos as marcas que já experimentei, o “iogurte grego” vendido no Brasil — já bem saboroso — pode ser ainda melhor. Na Grécia, como na foto do início do post, você pode até virar o prato de iogurte de cabeça para baixo e ele não cai, de tão denso, rico e consistente que é. É maravilhoso.

É habitual eles (gregos ou turcos) fazerem-no de leite de cabra ou ovelha, e servirem-no acompanhado de (muito) mel, frutas, ou doces em compota, já que o iogurte em si é sem açúcar (ao contrário do Brasil). Eis algumas fotos “pornográficas” minhas para atiçá-los.

Capadocia 002
Iogurte coado na Turquia, com mel.
Pamukkale village 08
Um prato de iogurte coberto de frutas.

Ok, parei com a devassidão. Fica a dica: indo à Grécia (ou à Turquia), não deixem por nada neste mundo de procurar e conferir o original.

Mairon Giovani
Cidadão do mundo e viajante independente. Gosta de cultura, risadas, e comida bem feita. Não acha que viajar sozinho seja tão assustador quanto costumam imaginar, e se joga com frequência em novos ambientes. Crê que um país deixa de ser um mero lugar no mapa a partir do momento em que você o conhece e vive experiências com as pessoas de lá.

2 thoughts on “O verdadeiro iogurte grego original: Puro “food porn”

  1. Huuummmmmmmm. que gostosura. que saudade do yogurt grego…. com frutas e geléeeeia.. Os”yogurtes ”gregos” que aparecem do Brasil são saborosos mas ha alguns mal conservados que não fazem bem. Que delicia.. Deu água na boca haha

Deixe uma resposta

Top