You are here
Home > Holanda > Ir à praia na (gélida) Holanda? Zandvoort, Katwijk, e Wijk aan Zee

Ir à praia na (gélida) Holanda? Zandvoort, Katwijk, e Wijk aan Zee

Ir à praia na Holanda não é exatamente o tipo de coisa que passa pela cabeça de turistas vindos do Brasil. A média de temperatura no país é de 2°C no inverno e meros 19°C no verão — o que pra muitos brasileiros ainda é inverno. Já os europeus de países vizinhos (leia-se sobretudo alemães), junto com os próprios holandeses, lotam os trens rumo às praias nos meses mais quentes (menos frios) aqui.

Eu certa vez choquei uma amiga alemã com a proposição de que deveria haver dois nomes distintos, um para as praias tropicais e outro para as praias que eles têm aqui. Ri litros quando o meu supervisor sinceramente recomendou que eu levasse os meus familiares à praia quando eles vieram do Brasil me visitar.

De fato, não são praias maravilhosas; mas como quem não tem cão caça com gato, é o que os moradores da Holanda e da Alemanha curtem. Com o tempo, você aprende a curtir também.

A experiência é diferente. Pra começar, aqui entrar na água é um ato de bravura espartana. Mesmo nos dias mais calorosos de verão, as águas do Mar do Norte se mantêm gélidas como se saídas de uma geleira. 

A Praia de Zaandvoort, uma das mais badaladas da Holanda, a menos de 30min de Amsterdã. Aqui no inverno, para começarmos por baixo.
Intimidador? Eu de casaco e tudo na praia, pois não há outro jeito.
Fazendo o estilo Pe. Fábio de Melo.

No verão as praias ficam povoadas, mas a maioria das pessoas fica só na areia, acompanhando o brincar das crianças, tomando sol ou apreciando a vista.

A Praia de Katwijk, na Holanda, num dia mais caloroso de verão (leia-se: temperatura acima de 25 graus).
Futuro goleiro holandês na praia. (Os holandeses adoram futebol.)

Ao contrário do que você talvez imagine, os brasileiros estão longe de ser os únicos farofeiros do mundo. Na Holanda as pessoas amam fazer piquenique, o que significa levar toda sorte de lanches à praia. Pode não incluir frango com farofa, mas tem é coisa. (Sim, as pessoas aqui são um tanto mais conscientes que os brasileiros no que se refere a levar o lixo consigo.)

Praia de água doce no entorno de Amsterdã. Essa é a mesma água conectada com os canais. Não é assim a pureza cristalina que você gostaria de encontrar, mas toma-se banho do mesmo jeito.
Frequentemente, as praias holandesas também ficam em cidadezinhas bonitinhas onde é legal dar um bordejo despretensioso, ter um almoço leve de domingo, etc. Pode não ter uma moqueca nem mariscada, mas às vezes um prato simples de peixe ou massa com os amigos está de bom tamanho. Aqui Wijk Aan Zee.

Vir à praia na Holanda pode não ser bem um programa turístico, mas faz parte da experiência de morar aqui. 

Mairon Giovani
Cidadão do mundo e viajante independente. Gosta de cultura, risadas, e comida bem feita. Não acha que viajar sozinho seja tão assustador quanto costumam imaginar, e se joga com frequência em novos ambientes. Crê que um país deixa de ser um mero lugar no mapa a partir do momento em que você o conhece e vive experiências com as pessoas de lá.

One thought on “Ir à praia na (gélida) Holanda? Zandvoort, Katwijk, e Wijk aan Zee

  1. Com certeza, o forte dos países dessa parte da Europa não são as praias. O visual, entretanto é bom. Dá para passar um dia diferente e mais descontraído. Vale para conhecer e ate visitar, para os mais afoitos quem sabe entrar e curtir, Gostei das paisagens, Ver o mar sempre é agradável. Eu fico com as paisagens. Acho o mar lindo, mesmo com esses tons cinzentos…nada que se compare com as praias tropicais em particular as do NE brasileiro.
    Vale ressaltar a educação do povo e limpeza nas praias holandesas.
    Adorei a semelhança com Pe, Fabio de Melo. hahaha parece mesmo.

Deixe uma resposta

Top