Coron 1 04
Filipinas

Voos nas Filipinas: 3 dicas e avaliação Cebu Pacific e AirSWIFT

Sabe aquela pessoa com quem você de início não se dá muito bem, mas depois se tornam amigos? Assim fui eu com a Cebu Pacific.

Ela é uma das principais companhias aéreas — e a principal de baixo custo — neste país onde voar é praticamente inevitável. A menos que você permaneça o tempo todo numa só ilha deste país-arquipélago com mais de 7.000, o que não recomendo, pois as belezas são muitas.

Ferries e outros transportes marítimos raramente são uma opção aqui, exceto entre ilhas muito próximas, como Cebu e Bohol (travessia que mostrei neste post).

Como o visitante estrangeiro que nunca tenha vindo aqui às Filipinas certamente é marinheiro de primeira viagem com estas empresas que aqui operam, resolvi escrever este post a respeito.

Vão aí também 3 dicas preciosas para suas viagens aéreas aqui.

Page break 1

Mapa das Filipinas
Eis as Filipinas com os seus três principais grupos de ilhas.
Palawan no mapa das Filipinas e Asia
Se alguém estiver meio perdido no mundo, é ali que estamos.

As companhias aéreas nas Filipinas

Voar é, em geral, relativamente barato nas Filipinas. Compara-se ao que é voar naquelas companhias de baixo custo na Europa: às vezes os trajetos até o aeroporto custam mais que o voo. 

Pelo equivalente a USD 20-30 você salta de uma ilha para outra, sobretudo nos trechos mais operados, como Manila – Cebu ou Manila – Puerto Princesa.

Você vai notar que, frequentemente, voos entre ilhas pouco povoadas requerem fazer conexão na capital Manila.

São muitas as empresas que aqui operam. Estas abaixo são as principais a operar em escala nacional, com as maiores ofertas de rotas:

  • Philippine Airlines (site oficial). A grande cia aérea nacional, sua dita porta-bandeira ou flagship carrier (como são a TAP para Portugal, Air France para a França, Lufthansa para a Alemanha, e para o Brasil… ah, o Brasil não tem.) Costuma ser mais cara que as de baixo custo, por vezes o dobro do preço, mas tem algo mais de conforto e atendimento ao cliente.
  • Cebu Pacific (site oficial). A segunda empresa do país, que propositadamente adota um tom mais jovial e leve — preços mais camaradas, atendimento por Facebook Messenger, jogos a bordo… estas coisas. Eu cheguei a comentar brevemente da minha experiência inicial com ela — com a qual cheguei ao país — com parabéns pra você aos aniversariantes no voo, etc.
  • AirAsia Philippines (site oficial). A AirAsia é uma imensa rede de baixo custo com filiais nacionais por quase todo o Sudeste Asiático. Seus preços são quase sempre imbatíveis. A qualidade é básica, mas ela leva você aonde você quer e no mesmo tempo que os outros. São muitos os voos; só se certifique de reservar pelo aplicativo deles de celular, não pelo site, que frequentemente dá problemas.
Tripulação da Philippine Airlines
Foto promocional da Philippine Airlines, às vezes abreviada PAL, a companhia nacional das Filipinas. (É uma empresa privada, embora estas aerolinhas frequentemente bebam subsídios governamentais à beça.)
Tripulação da Cebu Pacific
Já a Cebu Pacific tem uma pedida mais leve e divertida — e também preços menores. É a segunda maior companhia aérea nas Filipinas.

Várias outras empresas de menor porte fazem rotas regionais, apenas entre certas ilhas das Filipinas. Não as ignore, pois às vezes elas são a única opção, a depender de aonde você quiser ir.

  • AirSWIFT (site oficial). Uma empresa que não é necessariamente barata, mas é a única que faz certas rotas para e pela a estratégica ilha de Palawan — talvez a região mais bonita de todo o país, com os imperdíveis destinos de Coron e El Nido. (Fique atento ao site para não Googlar e ir parar numa outra empresa de nome AirSwift que nada tem a ver com voos.)
  • CebGo. Esta é um braço da Cebu Pacific que opera aeronaves menores. Não se surpreenda se encontrar o nome; alguns dos voos reservados pela Cebu Pacific são operados pela CebGo.

São muitas outras, como a SkyJet Airlines, Air Juan, e várias novas que aparecem a cada 5-10 anos. As que mostrei acima são as principais.

Site da AirSWIFT
O site da AirSWIFT é este. (Se tiver outra cara, você está na empresa errada.)

Cebu Pacific e CebGo

A minha experiência com a Cebu Pacific começou ruim, mas foi melhorando. Primeiro, ela não me enviou por e-mail a confirmação da compra com o código da reserva. Depois responderam bem via Facebook Messenger — que é o canal que recomendo para se comunicar com eles caso precise, já que você provavelmente não fará uma ligação telefônica internacional cá às Filipinas.


Dica 0 (bônus): Verifique que o e-mail com o localizador realmente chegou, antes de fechar a página de confirmação da compra com o código da reserva. Copie o localizador ou tire uma foto.


Depois, alteraram o horário do meu voo, fazendo-me chegar horas mais tarde que o desejado em Cebu. No fim das contas, apesar de tudo, as coisas deram certo e o atendimento foi bom.

Mudança por mudança de voo, isto parece sintomático das Filipinas: eu comprei uma passagem em outro trecho com a Philippine Airlines, de maior reputação, e me fizeram o mesmo umas semanas depois.

Pior: alteraram o meu voo de tal maneira que eu teria agora que passar a noite no aeroporto de Manila, perder a reserva já paga num hotel no meu destino, e só chegar lá na manhã seguinte. Pedi que cancelassem, e me reembolsaram. Portanto, a Cebu Pacific é OK.


Dica 1: Não reserve seus voos domésticos com antecedência demais, pois eles aqui têm hábito de fazer alterações frequentes. Eu recomendaria não mais que 2 meses — ou se prepare para os e-mails dizendo que seu voo foi alterado e que lamentam a inconveniência causada. (Isto foi antes da pandemia; imagino depois.)


Como em outras companhias aéreas de baixo custo, a alimentação é paga. Mas aí fica a seu critério, já que os voos aqui dentro do país em geral são curtos, de 1-2h.

Aviao Cebu pacific por dentro
Avião da Cebu Pacific por dentro. Não há diferença significativa para o que se encontra em outras partes do mundo.

Já a CebGo opera com aqueles aviões menores, de dois e dois lugares. Não há muito espaço para as pernas, mas c’est la vie.

AirSWIFT

A AirSWIFT é uma empresa um pouco mais cara, pois faz trechos exclusivos entre aeroportos menores como o de El Nido, onde a outra opção é chegar de barco ou com horas de transporte terrestre.

Fazem quase um estilo voo fretado para turistas ricos: dão-lhe garrafinha de água, servem cafezinho aos passageiros no aeroporto, etc. Operam aeronaves menores, daquelas ATR de hélice em vez de turbina. Funcionam bem — nada tema. Voei duas vezes com eles, e gostei.

AirSWIFT 1 01
Aeronaves ATR da AirSWIFT, acho que a única empresa aérea que voa entre Coron e El Nido.
AirSWIFT 1 02
O interior de um avião da AirSWIFT, com dois assentos de cada lado.

Note que a AirSWIFT tem uma cota-padrão de bagagem despachada de apenas 10 Kg, e mesmo assim depende da tarifa que você pagou (as mais baratas não incluem bagagem despachada). Mais importante é que eles têm um limite rígido de 20 Kg de bagagem despachada por pessoa no máximo, ainda que você pague extra. Então muita atenção, pois a aeronave simplesmente não comporta mais.

A menos que o introduzam nos próximos meses, também não há check-in online para a AirSWIFT.

No aeroporto de Coron, procure chegar um pouco mais cedo se não quiser passar um tempo na fila. O guichê deles é pequeno, o aeroporto é apertado, e mesmo chegando quase 2h antes do meu voo eu ainda peguei meia hora de fila para fazer o check-in e despachar a bagagem. Quem chegou com 1,5h de antecipação deve ter ficado 1h de pé na fila, pelo ritmo que ia. Chegue cedo

Aeroporto de Coron
Fila no pequeno Aeroporto de Coron. (Aquele calorzinho gostoso de suar de manhã.)

Aeroporto de Manila: o hub que merece alertas

O aeroporto de Manila é “a mão que balança do berço” da sua agenda de voos aqui nas Filipinas. Não quero assustar ninguém, apenas que conheçam de antemão, saibam o que esperar e venham preparados.

Quase todos os voos entre ilhas diferentes exigem conexão em Manila, principal aeroporto do país, e ele é notório por seus atrasos. Frequentemente, a aeronave chega de lá atrasada e também sai com atraso.


Dica 2: Evite conexões com tempo curto em Manila. Eu recomendo no mínimo 2h, sem contar imigração etc. Se envolver terminais diferentes, veja a Dica 3.  


Manila tem um bom aeroporto, com boa infraestrutura de alimentação, casas de câmbio etc.

A questão, afora os atrasos corriqueiros, é que são 4 terminais distintos e não necessariamente próximos uns dos outros. Você praticamente precisa tomar um táxi, tomar uma van da sua cia aérea (só Philippine Airlines e Cebu Pacific), ou esperar um ônibus gratuito do aeroporto que às vezes só passa de hora em hora entre um terminal e outro. Demanda tempo.

  • O Terminal 3 é o principal e mais moderno — é bem possivelmente por onde seu voo internacional chegará. Eu passei por todos e posso dizer que esse é o terminal melhor equipado. 
  • O Terminal 2 é operado exclusivamente pela Philippine Airlines, e é o segundo mais novo.
  • O Terminal 4 é o aeroporto antigo, de 1948. Você nota. Parece do tempo da Guerra Fria, com sua infraestrutura apertada e hoje cheia demais de gente. É usado para muitos voos domésticos, sobretudo aqueles operados pela CebGo.
  • O Terminal 1 em Manila também existe. É de onde saem os voos internacionais de companhias de baixo custo, como a JetStar. É ainda mais longe que o Terminal 4.

O transfer do aero só passa de hora em hora, e leva uns 30-40 minutos para ir de um terminal a outro pois, pasme, há engarrafamento no aeroporto. O ônibus circular por todos os terminais — não vai direto ao que você quer. Atenção com seu tempo. O táxi pode ser mais objetivo e, a depender do terminal, fazer em 10-15 minutos — mas acerte o preço.

Vi alguns estrangeiros apreensivos com tempo curto para o voo porque não imaginaram que houvesse essa demora de transfer de um terminal a outro. Eu já lhes deixo sabendo.

Se você estiver voando Philippine Airlines ou Cebu Pacific, estas empresas — já a par da dificuldade de deslocamento entre os terminais — oferecem vans exclusivas. Essas vão direto ao terminal desejado, então chegam em 10-15 min a depender do tráfego.

Dirija-se ao balcão de conexões da empresa e, ao chegar ao lugar de onde sai o transporte, se apresente, pois eles parecem chamar as vans sob demanda de passageiros — não simplesmente chegue e fique esperando quieto, pois as vans não parecem ter horário fixo.


Dica 3: Muita esperteza com o deslocamento entre um terminal e outro no Aeroporto de Manila. Se não puder evitar conexão que chegue por um terminal e saia de outro, pelo menos se certifique de que há tempo (3-4h+) de preferência. O ônibus do aeroporto demora para passar e pode levar 40 minutos de “viagem” entre os terminais. Philippine Airlines e Cebu Pacific oferecem vans exclusivas, e para os outros há táxi, mas mesmo assim calcule uns 10-15 de viagem pois há engarrafamento.


Desculpem se a vida nem sempre é fácil, ou se nem só o Brasil tem problemas, mas são limitações aqui nas Filipinas. No geral, como acho que dei a entender, o serviço nos voos é bom. Só a marcação e a movimentação pelos aeroportos é que requerem certa atenção.

Tendo cuidado, eu não perdi nenhum voo, comi bem, tomei suco, e vi até missa sendo rezada em pleno saguão do aeroporto (sim, coisas deste mui católico país).

Voar nas Filipinas
Quem não está com saudade de voar?
Coron 1 02
As Filipinas valem a pena.
Mairon Giovani
Cidadão do mundo e viajante independente. Gosta de cultura, risadas, e comida bem feita. Não acha que viajar sozinho seja tão assustador quanto costumam imaginar, e se joga com frequência em novos ambientes. Crê que um país deixa de ser um mero lugar no mapa a partir do momento em que você o conhece e vive experiências com as pessoas de lá.

One Reply to “Voos nas Filipinas: 3 dicas e avaliação Cebu Pacific e AirSWIFT

  1. Com certeza, meu jovem amigo viajante. O lugar é deveras paradisíaco, e conhecê-lo, indispensável para quem ama a natureza e seus encantos.
    A região já vai deixar saudades.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *